Mundo e Reflexão

Os acontecimentos atuais climáticos nos fazem pensar e tentar compreender a manifestação da Terra, embora as cidades estejam estruturadas, muitas vezes, em área de risco e foram se desenvolvendo sem um planejamento adequado. As águas dos rios estão saindo do seu leito, dominando cidades e países ou voltando a invadir as residências por um período longo.
O ser humano fica impotente perante estes fatos. A seca em demasia, os fogos a queimar grandes extensões de mata e os vulcões adormecidos, voltando às atividades, são apenas um alerta para prestarmos mais atenção e olharmos para dentro da nossa consciência e ver o quanto somos pequenos e que a vida física é muito frágil a qualquer contratempo. Ficamos inseguros e achamos que o mundo vai se acabar de uma hora para outra, entramos em desespero porque só vivemos pelos instintos imediatos, fomos condicionados ao conceito do materialismo e disputa constante com o nosso semelhante.
(mais…)

Leia Mais

Viagem para Outro Planeta

A Terra está passando por uma transformação rápida a partir do século passado. As tecnologias existentes nesse período em que estamos vivendo, nós como espíritos encarnados, é a primeira vez que usufruímos, em nosso próprio benefício e aprendizado, materialmente e espiritualmente. Porém, deixamos para trás os verdadeiros objetivos, que é a espiritualidade individual de cada um.
Participamos de algum culto religioso e seus rituais não representam no fundo a certeza de sermos espíritos ou mentes eternos. Somente com a certeza que está dentro de nós.
No ego da nossa consciência é que vamos adquirir todos os verdadeiros valores do espírito de forma a qual os fatos estão se apresentando na nossa sociedade pela falta de critério dos nossos governantes em deixar a disciplina, que teria que ser mantida, em equilíbrio, nos conceitos que o nosso Mestre Jesus nos orientou.
Veja o vosso semelhante como a si mesmo, pois a força do poder e a ganância acabam cegando a visão real da jornada espiritual que temos que passar.
Milhares de mentes iram migrar para novos planetas com sua energia compatível. Lá terão a oportunidade de recomeçar tudo de novo num verdadeiro ranger de dentes, como foi a época pré-histórica aqui no nosso planeta, que denominamos Terra.
Mas não entrem em desespero, a eternidade do espírito segue seu curso no caminho da evolução, não existe em nosso planeta um espírito encarnado que criou todas as formas de vida, seja física ou espiritual. Então, queridos irmãos, não se sintam tão superiores aos seus irmãos, pois ainda não passamos de eternas crianças em evolução.
Partindo de uma escala menor, somos responsáveis pela nossa família que restringe ao nosso companheiro (a), juntos com nossos filhos. Temos por obrigação de dar todo o amparo aos nossos filhos até eles atingirem sua maturidade e, então, o novo ciclo se inicia.
Desta forma, aqueles que propuseram a administrar os povos e países terão essa responsabilidade igual ao de um pai ou uma mãe. Responderão sobre seus atos na integridade das leis divinas e terão que harmonizar o que deixou ou colaborou para desarmonizar. Renascerão em situações estritamente adversas que estão hoje e se renascerem neste mesmo planeta, terão muita sorte, mas pela condição mental atual, está sorte irá demorar alguns milênios. Sua nova casa será compatível com a sua moral e índole, como o Mestre Jesus nos disse.

Leia Mais

Lei da Harmonia

Muitos fatos importantes estão acontecendo em todo mundo, chamando atenção dos espíritos encarnados e desencarnados para uma razão pacífica a ser desenvolvida no seio de cada um dos seus habitantes na harmonia das palavras do nosso amado Mestre Jesus, “Amai-vos uns aos outros como vos amei”, uma lei harmoniosa que clareia o espírito, conquistando uma luz muito intensa a influenciar os seus semelhantes à reflexão de um mundo melhor.
Nunca vamos esquecer que somos mentes eternas e temos um longo caminho pela frente para alcançarmos a compreensão sobre a própria vida em que estamos vivendo.
Quantos conflitos com a razão de viver, de entender o nosso companheiro e de educar nossos filhos com os próprios ensinamentos, desenvolvidos pelas escolas materiais e suas faculdades. Depois de formados enfrentamos mais desafios no relacionamento com o nosso semelhante, não encontrando um ambiente harmônico e sim, um ambiente tumultuado pela competição em querer sempre estar acima dos nossos próprios limites, envolvendo, muitas vezes, nossos caprichos pessoais e não respeitando o nosso semelhante em suas limitações.
(mais…)

Leia Mais

Pequenas Coisas

O que nós somos perante o universo, o planeta, a nação em que vivemos, a cidade, o lar e a nós mesmos?
Estamos, realmente, agindo corretamente com as leis divinas, trazidas pelo nosso irmão, Moisés e pelo Mestre Jesus?
Já eliminamos a morte, a miséria e a fome do meio em que vivemos?
Muitas vezes nos achamos tão importantes por estamos exercendo uma atividade que ficamos orgulhosos pelo papel representado na Terra. Porém, quando voltamos ao plano espiritual é que vemos o quanto somos pequenos perante a realidade e a necessidade do planeta em que vivemos.
Não conseguimos nem resolver as pequenas coisas, então imagine as grandes de que forma resolveríamos.
Estávamos vivendo o momento e não a eternidade.
Pensem nessas palavras e meditem sobre os vossos atos.

Leia Mais

Endurecidos pelo Tempo

Queridos irmãos, o quanto é difícil para nós, espíritos endurecidos pelo tempo, compreendermos as leis divinas que se fez verbo por intermédio do nosso irmão maior, Jesus e seus antecessores.
Amai a Deus sobre todas as coisas e seu próximo como a si mesmo. É muito difícil após 2000 mil anos aceitarmos esta realidade divina que nos traz a paz e a harmonia para os nossos espíritos.
A cada época uma nova falange de espíritos está adentrando no plano físico e, aqui chegando, só encontram uma luta feroz pelos bens terrenos, deixando de lado os bens do espírito.
Um espírito consciente das suas responsabilidades, já faz um mundo melhor só de pensar, e agindo construirá boas coisas para as futuras gerações e sua própria reencarnação.
Já é tempo de colocarmos em atividade a nossa parte espiritual. Só lembramos-nos de Deus para pedir, o carro, a casa, luxo e não de uma forma real de criação como partícula da sua própria mente.
Pensem um pouco em vocês, como centelha divina.

Leia Mais